Rss Feed
  1. O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry)

    quarta-feira, 15 de abril de 2015

    lp

    Mas, com certeza, para nós, que compreendemos o significado da vida, os números não têm tanta importância.        pág. 20

    Eu sinceramente não tenho nada de ruim pra falar desse livro, ele é a superação de qualquer livro infantil já visto e acredito que deveriam existir mais desse por aí. É o tipo de história simples, porém que te cativa até o fim, suas mensagens e observações são muito claras, tão claras que chegam a ser poéticas.  Apesar de ser classificado como infantil, é um livro para todas as idades, todas as almas e corações. Senti muita vontade de chorar lendo, e também senti vontade de apertar o pequeno príncipe até não poder mais! É um livro que te ensina os maiores valores da vida, entre tanta outras coisas, que só aquelas palavras e a inocência do Pequeno Príncipe conseguem explicar.

    Edição:

      Capa simples, com as ilustrações do próprio autor, é simplesmente linda. Cada detalhe é muito cuidadoso, desenhos bem distribuídos, mais harmoniosa impossível. Diagramação boa, letras pequenas porque eu li edição de bolso, mas nada demais. O mais marcante são os desenhos que repercutem da história, é tudo tão lindo que não dá pra descrever muito bem. Mas tudo aprovado !!!

    Via


    Estória:

    Conta a história de um viajante que tem seu avião quebrado e caído no meio do deserto, onde encontra um garotinho, trajado estranho, enquanto tenta consertar seu avião. Esse pequeno rapaz diz ser um príncipe e ter seu próprio planeta, assim vai contar suas aventuras por diversos planetas conhecidos por ele e o que pôde tirar de bom e de ensinamento de casa ocasião. Por fim, os dois ficam amigos eternamente, e o homem sabe por fim que onde estiver, ao olhar para o céu, lembrar-se-a do Pequeno Príncipe.

    Até então pensava eu que o Principezinho era o narrador (antes de ler), mas tudo o que eu pensava do livro foi desmascarado ali, em todas aquelas páginas, sendo uma mais linda e mais emocionante que a outra, o que aquele pequeno ser aprendeu e passa para o leitor e para o  viajante não tem preço, não tem medida, é realmente inteiro, muito completo! Cara, é um dos melhores livros que já li, é daqueles que você lê mais de dez vezes na vida, aquele consolo quando a tristeza bate, quando a alegria é maior que o mundo! São valores e ensinamentos virtuosos demais para não se compartilhar.

    Os personagens:

    O viajante: É um homem incomum na verdade que foi "forçado" pela sociedade a se tornar normal, e que sempre percebeu o quanto isso é chato. O homem dos desenhos de elefantes e cobras

    Pequeno Príncipe: Um Principezinho vindo do Planeta B612, ele encanta e vive uma aventura atrás de outra. Gosta muito de perguntar e não gosta de quando não são respondidas, descobriu que sua rosa é única no mundo, e assim também o é.




    A Raposa: Acredito que foi com quem ele mais aprendeu, ela ensinou de uma forma bem fofa a importância das pessoas e coisas para o Príncipe.


    A Rosa: A mais querida do Príncipe, vive no Planeta dele.

    O Rei: Mandão, quer que obedeçam-lhe todos aqueles que pisarem em seu Planeta.



    Título Original: Le Petit Prince
    Autor: Antoine de Saint - Exupéry
    ISBN: 9780786275397
    Editora: Agir
    Edição: 1ª edição.


                      my fox

    Disse a flor para o pequeno príncipe: é preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas.           pág. 34
    Reações: 
    |
    | |


  2. 0 comentários:

    Postar um comentário